Colônia de férias de verão 2019

PROJETO PINTANDO O SETE (Colônia de férias)

BRINCAR

Para PAMPLONA (1988), é através do corpo que a criança interage com o mundo. Desta forma o conceito de imagem corporal torna-se indispensável para qualquer tipo de aprendizagem, pois é através da boa formação desse pré-requisito que a criança torna o seu corpo um ponto de referencia estável. É o seu corpo, enquanto ponto de referência, que servirá de base para a aprendizagem de todos os conceitos indispensáveis a alfabetização.

  

O papel do profissional de Educação Infantil é fundamental nesse processo, não impor as atividades e os gestos para a criança, mas criar e oportunizar situações lúdicas oferecendo os materiais mais diversos, ensinando a usá-los, participando das brincadeiras, não só por prazer, mas para estimular as crianças a diferentes situações, valorizando as atividades expressivas de cada criança.

 

A brincadeira, ao mesmo tempo em que proporciona prazer e divertimento, auxilia no desenvolvimento infantil ao trazer elementos pelos quais a criança aprende a lidar com seus medos, angustias e frustrações, estabelece relações com o meio em que a cerca e desenvolve habilidades.

 

 

EXPLORADORES

Colher folhas de diversos tamanhos no parque, horta e jardim sentindo o cheiro e a textura das folhas observando-as com uma lupa.

 

Na sala, colocar a folhas colhidas embaixo de uma folha em branco e pintar com giz de cera observando os detalhes que viram com a lupa.

 

QUE BICHO EU SOU?

Desenho de vários bichos, a professora que colará nas costas da criança sem que ela saiba que bicho é, cada participante terá que adivinhar o animal que virou, fazendo perguntas sobre características dos bichos aos outros participantes, as respostas devem ser sim ou não.

 

Organizar por ordem de tamanho, do menor para o maior.

 

MÍMICA

Dividir o grupo em dois grupos, cada time vai pensar em um nome de uma categoria, exemplo: filme, música, profissões, frutas, etc. Chamar uma pessoa da outra equipe. A pessoa escolhida vai tentar representar sem dizer uma palavra para a sua própria turma, se o time de quem estiver representando acertar em menos de dois minutos ganha um ponto. Ganha a equipe que no final tiver mais pontos.

 

O JOGO DO EMBRULHO (BATATA QUENTE)

É necessário um pacote bem embrulhado, contendo uma lembrancinha. Ao som de uma música colocada pela professora, todos os participantes vão caminhando pela sala passando o embrulho entre si.

 

Quando a professora interrompe a música, aquele que está com o embrulho deve começar a abrir o pacote.

 

Quando reinicia a música, o embrulho deve voltar a circular entre os participantes, até finalmente o presente estar desembrulhado.

BRINCADEIRAS CANTADAS

 

As brincadeiras cantadas têm, na sua maioria, raízes em brincadeiras populares e está presente em todo o país, tendo ricas variações de acordo com a região.

Através das brincadeiras cantadas, as crianças constroem estruturas musicais e corporais, desenvolvem a oralidade e a percepção auditiva, socializam e se divertem.

Ao fundir música, dança, dramatização, mímica e jogos, nós integramos diferentes formas de expressão e linguagens, favorecendo assim o desenvolvimento integral da criança, tanto o físico como o psicológico, cognitivo e social.

Programação:

Para os bebês de 4 a 18 meses a música “Pedala o pedalinho” tem como objetivo noções de esquema corporal e percepção sensório-motora.

Para as crianças do maternal 2 (2 anos aproximadamente) com a música “Janelinha abre e fecha”, o objetivo é desenvolver a coordenação motora e a motricidade e a linguagem falada.

Para crianças a partir de 4 anos, a música “Lagarta, quem foi que te pintou”, o objetivo é desenvolver a percepção auditiva, a coordenação motora e a socialização. Para esse grupo, também será feita uma busca de lagartas nos ambientes abertos da escola, usando uma lupa para observar os detalhes da lagarta.

“Pedala o pedalinho”

Pedala, pedala

Pedala pedalinho

Me leva pra longe

Bem de vagarinho

 

O mar tá bonito

Tá cheio de caminhos

Pedala, pedala

Pedala pedalinho

 

“Janelinha abre e fecha”

A janelinha fecha quando está chovendo

A janelinha abre se o sol está aparecendo

Pra lá pra cá pra lá pra cá pra lá

 

A florzinha fecha quando está chovendo

A florzinha abre se o sol está aparecendo

Pra lá pra cá pra lá pra cá pra lá

 

O guarda chuva abre quando está chovendo

O guarda chuva fecha se o sol está aparecendo

Pra lá pra cá pra lá pra cá pra lá

 

A janelinha fecha quando está chovendo

A janelinha abre se o sol está aparecendo

Pra lá pra cá pra lá pra cá pra lá

 

Pra lá pra cá pra lá pra cá pra lá

Pra lá pra cá pra lá pra cá pra lá

Pra lá pra cá pra lá pra cá pra lá

 

“Lagarta, quem foi que te pintou?”

Lagarta pintada quem foi que te pintou

Foi uma VELHINHA que aqui passou

Nuvens de areia subia a poeira

Pegue esta LAGARTA pela ponta da orelha

 

Lagarta pintada quem foi que te pintou

Foi o CURUPACO que aqui passou

Nuvens de areia subia a poeira

Pegue esta LAGARTA pela ponta da orelha

 

Lagarta pintada quem foi que te pintou

Foi um MACAQUINHO que aqui passou

Nuvens de areia subia a poeira

Pegue esta LAGARTA pela ponta da orelha

 

Lagarta pintada quem foi que te pintou

Foi uma GIRAFA que aqui passou

Nuvens de areia subia a poeira

Pegue esta LAGARTA pela ponta da orelha

 

Lagarta pintada quem foi que te pintou

Foi o Garnizé que aqui passou

O Garnizé cantava no fundo do quintal

De longe se ouvia a melodia musical.

JOGOS

O brincar é uma linguagem infantil que representa a realidade e é onde a criança desenvolve as capacidades imaginativas e criativas, ampliando assim seu conhecimento.

O jogo, por sua vez, é uma prática comum a adultos e crianças, que possibilita a relação entre indivíduos com a intenção de formar uma sociedade integrada, onde costumes e tradições se fundem de maneira ordeira e organizada (regras e situações imaginárias caracterizam o conceito de jogo, segundo Vygotsky).

Sendo assim, os jogos são um meio onde a criança é inserida no mundo social e desenvolver níveis mais elevados de cognição, passando assim da fantasia para a realidade e de representação de construção para o interesse na utilização de materiais diversos e recicláveis desenvolvendo consciência ecológica.

Para os menores será confeccionado um brinquedo de puxar com garrafas Pet, onde o objetivo será o desenvolvimento da percepção auditiva, coordenação viso motora e noções de espaço.

Para os maiores de 2 anos serão levados jogos de percurso no parque, o objetivo é desenvolver a correspondência entre quantidade e a contagem e o respeito as regras e socialização.

Para 4 anos ou mais, será feita a brincadeira “Pé de Lata”, onde o objetivo é desenvolver a coordenação motora e o equilíbrio.

MOSAICO
Educação Infantil

Rua Aristídes Lôbo, 80, Esquina com a Rua Tangará

Agrônomica

Florianópolis/SC

 (48) 98831 4999

 (48) 3206 1222

  • Facebook